Avatar

Publicado por Gustavo Aguiar

Orçamento doméstico: controle suas finanças para realizar o sonho da casa própria


A maioria das pessoas consideram ter um apartamento ou uma casa como um sonho. Entretanto, esse sonho parece estar difícil de realizar. Mas existem alguns caminhos que podem ser traçados para ajudar a alcançar essa meta. Separamos então algumas indicações para ajudá-lo no seu orçamento doméstico e no controle de suas finanças pessoais. Confira!

 

Faça o controle de seu orçamento

A dica é simples, mas passa batida pela maioria das pessoas: controle seu orçamento! É praticamente impossível calcular todos os seus gastos e as suas receitas, então coloque isso no papel! Outra ótima alternativa são os aplicativos gratuitos para computadores e smartphones que vão te ajudar a fazer esse controle.

Atualmente existem diversas campanhas do mercado que buscam interessar o cliente, muitas vezes sem que ele precise do que compra. O controle te ajuda a gerir e administrar esses gastos, mesmos os mais básicos.

 

Hierarquize seus gastos

Separe seus gastos por grupos, de acordo com o destino do dinheiro. Por exemplo, pessoais (transporte, plano de saúde, farmácia, academia), básicos (luz, água, internet, tv a cabo, supermercado), entretenimento (shows, bares, cinema, festas).  A vantagem é que se você precisar reduzir custos, sabe de onde tirar ou não.

 

Identifique os gastos supérfluos

Se você já separou os seus gastos por grupo, agora pode identificar o que é mais ou menos necessário. Existem os gastos desnecessários, coisas que você evitar em gastar ou reduzir esses gastos. Compras desnecessárias, redução de planos fixos e até mudanças de atividades são alguns exemplos disso.

 

Defina metas de economia

Se você sabe onde vai cortar gastos, agora pode definir o quanto precisará para isso. O indicado é que você faça isso com constância, mensalmente, ainda que comece de um valor menor. O hábito é importante para ajudar na construção do seu plano de orçamento doméstico e é o passo mais necessário para gerar essa economia.

 

Não compre por impulso e compare os preços

Atente-se às estratégias comerciais que te levam a gastar. Antes de adquirir algum produto ou item, pense se você realmente precisa daquilo ou está agindo pela emoção. Além disso, compare seu valor em algumas lojas. Quanto mais caro, maior a necessidade de busca. Não aja por emoção e planeje suas compras.

 

Procure comprar à vista e fuja do cartão de crédito!

Uma das maiores fontes de dívida na sociedade brasileira é o uso descontrolado do cartão de crédito. O recurso dá a falsa sensação de ter poder de compra, de possuir um dinheiro que, muitas vezes, foge do seu orçamento. Cuidado! Priorize por fazer compras à vista e se for estritamente necessário, planeje esse valor no seu orçamento doméstico.

 

Seja disciplinado com seu orçamento doméstico!

O mais importante em todas essas atitudes para o orçamento doméstico é ser disciplinado. Planeje, registre, tenha controle sobre tudo! Tenha a consciência de seus gastos e de suas receitas para saber a qual valor você pode chegar. Seja obediente ao seu planejamento e você pode chegar ao seu objetivo! Mude seus hábitos e sua rotina e aproxime-se do sonho de ter sua casa própria.

Se você gostou desse artigo, então não deixe de ler o nosso post sobre como saber se sua renda é suficiente para comprar um imóvel . Para mais dicas e informações, acesse www.eliger.com.br e conheça nossos empreendimentos!

 

O melhor conteúdo para você que quer fazer bons negócios!Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade! O cadastro é gratuito

Comentários